Pular navegação

Discordo veementemente da opinião do Ilmº Sr. Presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Mozart Valadares, com respeito a aprovação do Estatuto da Igreja Católica no Brasil aprovado pela Câmara no dia 26 de Agosto, quando refere-se ao desrespeito ao caráter laico do Estado brasileiro.  Em primeiro lugar o Estado brasileiro nunca foi laico, só o é nas páginas da Constituição. Em segundo, se o Ilmº Sr. questionar juridicamente através de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal, decerto perderá, pois a Adin será julgada no STF e este Órgão ostenta em sua parede o símbolo máximo do catolicismo, assim como a Câmara Federal que aprovou o Estatuto. Se o Brasil fosse um estado laico não gastaria o dinheiro do contribuinte ateu, macumbeiro ou evangélico restaurando Igrejas Católicas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: