Pular navegação

Monthly Archives: junho 2013

Em entrevista o Ministro Guido Mantega não descarta subir impostos para compensar novos benefícios pós-protestos, o ministro diz que o governo não abrirá mão do compromisso fiscal. Se fizer desonerações, pode ter que subir tributos ou cortar despesas.  Teste sua inteligência brasileiríssima e responda rápido: a) Ele vai subir tributos. b) Ele vai cortar despesas

Enquanto brasileiros se engalfiam por R$ 0,20 e o Governo levanta a bandeira para o transporte público, saúde, corrupção, reforma política e economia, fico eu aqui pensando que se não houver uma reviravolta de modo a parar o extermínio promovido pelos bandidos de plantão não restará muito da população para usufruir de qualquer direito adquirido originados pelos protestos. Hoje de madrugada aqui em São Paulo uma criança de cinco anos foi exterminada com um tiro na cabeça porque os pais tinham pouco dinheiro, quando encontrarem os bandidos, o que atirou decerto será um menor, quer valer?

Empresas com prejuízo no balanço, mas com proprietários que fazem movimentações milionárias. Essa situação ocorre com companhias de ônibus de São Paulo, segundo o Ministério Público.  Uma investigação aponta que esse paradoxo é resultado de desvios de recursos pelos donos das empresas, troca de ônibus novos por velhos e venda de linhas que não poderiam ser negociadas porque são uma concessão da Prefeitura de São Paulo.  Entenderam agora porque a aprovação da PEC37 é a tábua da salvação para alguns?.

Ana Amélia Camarano, demógrafa do Ipea, quer aproveitar o aniversário do Estatuto do Idoso, que completa 10 anos em outubro, para redefinir a partir de qual idade os cidadãos ganham proteção especial do Estado e benefícios como meia-entrada em atividades culturais e gratuidade no transporte público.  Ela sugere aumentar de 60 para 65 anos idade inicial de idoso. Pegunto: Idade e salário da Dona Ana, no caso de ser aposentada, qual o valor que recebe de aposentadoria.

Nesta sexta-feira, 21 de Junho de 2013, a presidente Dilma Rousseff vetou a proposta de perdão de uma parte da dívida das Santas Casas de Misericórdia e o parcelamento da outra parte, medida aprovada pelo Senado Federal no final de maio, mas… Na comemoração dos cinquenta anos da fundação da União Africana, realizada na Etiópia, este ano, a presidente Dilma Rousseff deu aos anfitriões um presentão de 840 milhões de dólares. O valor equivale ao total da dívida que doze países do continente haviam contraído com o Brasil e que a partir de agora não terão mais de se preocupar em pagar. A Dilma os perdoou.

Falta de bom senso? Falta de sensibilidade comercial? Ou apenas falta de respeito ao consumidor?.  Desde 18/06 estou sem a banda larga da GVT.  Estamos em junho de 2013 e neste dia eles “descobriram” que eu tenho uma conta em aberto desde dezembro de 2012, muito embora nem mesmo no atendimento digital conste tal conta, resultado, bloquearam meu acesso.  Fiz um acordo e paguei a entrada, segundo eles a previsão para me reabilitar na banda larga é dia 21/06. É como se alguém chegasse e me dissesse, toma que este filho de seis meses é teu! Por que o setor de cobrança demorou seis meses para “descobrir” a pendência?, Utilizei-me por seis meses dos serviços mesmo inadimplente? Por que não me enviaram o boleto? Por que primeiro bloquearam-me e depois me avisaram? Porque faltar com o respeito ao consumidor faz parte do portfólio desta empresa.

Em São Paulo a prefeitura incentiva estudantes a aprender com humor na sala de aula.  Como diria o Macaco Simão, essa é uma piada pronta, afinal o ensino público no Brasil é uma verdadeira piada.  Mês passado quase tive uma síncope ao ler uma anotação de um advogado, pois ele escreveu pensar com cedilha (pençar).  Imagino os erros de ortografia nos comentários nas redes sociais, acho que o Aurélio Buarque de Holanda deve remexer-se em seu túmulo…

LADO B

Uma lição aprendi diante desta história de protestar contra aumento de passagens. A Polícia existe sim, está em bom número, bem estruturada e bem armada, responde e acata de imediato as ordens superiores, age energicamente e decisivamente e com truculência acaba de maneira rápida a desordem, tumulto e aglomerações. Pena que estejam agindo desta maneira do lado errado. Se os governantes mudassem o foco acabariam de uma vez com toda a bandidagem que está dando as ordens de matança em todo o país. Ontem um garoto de dois anos morreu com uma bala no peito após uma tentativa de assalto, mas os olhos de nossos governantes estão em cima apenas de pessoas que buscam os seus direitos que estão sendo roubados. Mas o chafardel já começou a balir.

Hum bilhão e oitocentos milhões de reais em equipamentos de última geração, polícia federal, militar e civil, bombeiros e guarda civil metropolitana, Marinha, Exército e Aeronáutica.  Tudo isso em nome de uma segurança para um evento esportivo. Enquanto isso, policial do Rio de Janeiro empurra uma viatura para ela pegar no tranco, em São Paulo dezenas de viaturas paradas por falta de manutenção, o povo sendo massacrado pela bandidagem, droga rolando solto, arma de grosso calibre, armas de guerra, reservadas, derrubam até aviões. Arrastões, ordem para fechar o comércio, pessoas incendiadas vivas, terror, pânico, não há como escapar.  Que fizemos? Que faremos? A quem recorrer? Até nossas armas foram tomadas, por nossa maneira ordeira de ser, estamos colhendo o que plantamos, deitados em berço esplêndido.