Pular navegação

Tag Archives: polícia federal

Aviso aos que barraram a redução da maioridade penal, aos que estão se fartando com o dinheiro utilizado para a Copa, aos que podem, mas não mudam as leis para nos protegerem dos marginais, aos que deixam nas ruas os corruptos e aos que permitem indulto a estupradores, pedófilos e homicidas.  Estou andando armado. Felizmente o desarmamento não tirou de mim a única arma que pode derrotá-los, uma arma que posso usar livremente, posso estar com ela na mão e a polícia não notar, posso viajar com ela e a Polícia Federal não pode me impedir, posso até entrar na Casa Branca e toda aquela segurança do Obama nem sequer vai notar, esta arma chama-se título de eleitor e estou pronto para usá-la.

Hum bilhão e oitocentos milhões de reais em equipamentos de última geração, polícia federal, militar e civil, bombeiros e guarda civil metropolitana, Marinha, Exército e Aeronáutica.  Tudo isso em nome de uma segurança para um evento esportivo. Enquanto isso, policial do Rio de Janeiro empurra uma viatura para ela pegar no tranco, em São Paulo dezenas de viaturas paradas por falta de manutenção, o povo sendo massacrado pela bandidagem, droga rolando solto, arma de grosso calibre, armas de guerra, reservadas, derrubam até aviões. Arrastões, ordem para fechar o comércio, pessoas incendiadas vivas, terror, pânico, não há como escapar.  Que fizemos? Que faremos? A quem recorrer? Até nossas armas foram tomadas, por nossa maneira ordeira de ser, estamos colhendo o que plantamos, deitados em berço esplêndido.

 

Não culpo em hipótese alguma os brasileiros que estão alardeando que as Olimpíadas servirão como meio de enriquecimento ilícito para alguns, infelizmente esta prática é praxe em nosso País. Mesmo tendo a Polícia Federal, Ministério Público e Órgãos Fiscalizadores ligados direto ao evento, como bem falou o Lula, sabemos que no Brasil locupletar-se é Cláusula Pétrea da Lei de Gérson no capítulo das Licitações Públicas, tendo o Superfaturamento como Parágrafo Único. A devolução do dinheiro aos cofres públicos é um desafio ainda não vencido, simplesmente porque o interesse político está apenas no jogo de ida, no jogo da volta, nós, contribuintes sempre somos derrotados.

Pena que não há ninguém sério e corajoso o suficiente neste País e o povo há muito se acostumou a olhar apenas para o próprio umbigo. O que está acontecendo com a Petrobrás deveria ser alvo de séria investida do Ministério Público e da Polícia Federal. A expulsão da Secretária da Receita Federal e a indicação de um biltre que chegou ao Senado sem um voto sequer para a presidência da CPI da Petrobrás deixariam qualquer homem público sério com as barbas de molho. Algo de muito podre está acontecendo, mas ninguém quer ver e quem tem a coragem de mexer no vespeiro certamente será ferroado como a Secretária da Receita Federal.